Viagem Vegana

Veganizando em Floripa por um final de semana

Fui veganizar em Florianópolis durante dois dias antes de seguir para minha viagem de reveillon. Apesar da correria, consegui juntar cinco dicas dos lugares que comi e é claro que não poderia deixar de compartilhar aqui.

Antes desta viagem, só tinha passado por Floripa em 2007 para participar de um congresso. Naquela época tinha acabado de virar vegetariano e em função das atividades do evento não consegui circular muito pela cidade.

Desta vez foi uma pena que eram só dois dias e muitos dos lugares estavam fechados devido ao feriado. Já li por aí que Floripa é a cidade com maior concentração de vegetarianos no Brasil e estava bem curioso pra saber o que ela tem a oferecer se tratando de culinária vegana.

Descobri quase todos os lugares pelo aplicativo Foursquare pois não achei nenhum guia vegano da cidade.

1 – Mercado São Jorge e Restaurante Lila

No sábado de manhã o primeiro lugar que fomos para tomar café foi o Mercado São Jorge e o Restaurante Lila, localizados no Itacorubi. Dois lugares super agradáveis que com certeza fariam parte da minha rotaveg se eu morasse lá.

O mercadinho orgânico é todo charmoso e cheio de produtos naturais nacionais e importados. Além dos orgânicos, o lugar ainda conta com a cafeteria Uma Origem e um espaço dedicado a artesanato e livros.

Mercado São Jorge e Restaurante Lila - Florianópolis
Mercado São Jorge e Restaurante Lila – Florianópolis
Mercado São Jorge - Florianópolis
Mercado São Jorge – Florianópolis
Mercado São Jorge - Florianópolis
Mercado São Jorge – Florianópolis
Uma Origem Coffe (Mercado São Jorge) - Florianópolis
Uma Origem Coffe (Mercado São Jorge) – Florianópolis

O Restaurante Lila fica à esquerda e foi lá que encontramos várias opções veganas de doces e salgados. O acesso é através da cafeteria e apesar de ser pequeno, o lugar é super aconchegante. Detalhe para as paredes de vidro com vista para o interior da loja de jardinagem.

Restaurante Lila - Florianópolis
Restaurante Lila – Florianópolis
Restaurante Lila - Florianópolis
Restaurante Lila – Florianópolis
Restaurante Lila - Florianópolis
Restaurante Lila – Florianópolis

Fomos de focaccia de legumespão temperado (pupunha, tomate e nozes) e um suco verde.

Focaccia de legumes - Restaurante Lila.
Focaccia de legumes – Restaurante Lila.
Pão temperado (pupunha, tomate e nozes) - Restaurante Lila.
Pão temperado (pupunha, tomate e nozes) – Restaurante Lila.

Ainda pra fechar mandamos um strudel de damasco e um verrine maravilhoso feito com damasco, coco, castanha e chocolate 70%.

Strudel de damasco - Restaurante Lila.
Strudel de damasco – Restaurante Lila.
Verrini (damasco, coco, castanha e chocolate 70%) - Restaurante Lila
Verrini (damasco, coco, castanha e chocolate 70%) – Restaurante Lila.

O restaurante também serve uma opção de almoço vegano por dia. Foi uma pena que não consegui voltar para provar, vai ficar pra próxima.

2 – Sabor da Aldeia

O almoço do sábado foi no centro cultural Aldeia Índigo, no Campeche. O lugar realiza atividades ligadas à sustentabilidade, terapias naturais, artes, culinária e etc. Lá funciona também uma pequena lojinha e o restaurante Sabor da Aldeia, o único 100% vegano da ilha que consegui encontrar (corrijam-me caso existir outro).

Aldeia Índigo - Florianópolis.
Aldeia Índigo – Florianópolis.

O espaço funciona em um terreno arborizado quase no meio da mata e as mesas ficam espalhadas por toda a grande varanda da casa. O esquema é self service e a comida é do tipo “simples e com muito amor”. Tudo muito bem caprichadinho.

Aldeia Índigo - Florianópolis.
Aldeia Índigo – Florianópolis.
Aldeia Índigo - Florianópolis.
Aldeia Índigo – Florianópolis.
Aldeia Índigo - Florianópolis.
Aldeia Índigo – Florianópolis.
Saladas - Sabor da Aldeia.
Alface, rúcula, beterraba, cenoura e moyashi – Sabor da Aldeia.

O prato do dia: arroz integral, bacalhoada, penne ao grão de bico e limão, acelga refogada e escondidinho de legumes. Tudo estava maravilhoso e esta foi a melhor bacalhoada vegana que já comi.

Prato principal - Sabor da Aldeia.
Arroz integral, bacalhoada, escondidinho de legumes, acelga refogada e penne ao grão de bico e limão – Sabor da Aldeia.

De sobremesa peguei esta divina torta de chocolate com ganache. Pena que ela não faz parte do self service, se não tinha repetido umas 5 vezes.

Torta de chocolate com ganache - Sabor da Aldeia.
Torta de chocolate com ganache – Sabor da Aldeia.

3 – Artesano Pizza Bar

No jantar, depois de peneirar muitos lugares, acabamos indo na Artesano Pizza Bar, na Lagoa da Conceição. A pizzaria fica no fim de uma rua residencial bem improvável, uma casa de tijolos à vista com um grande jardim a meia-luz.

Artesano Pizza Bar - Florianópolis.
Artesano Pizza Bar – Florianópolis.
Artesano Pizza Bar - Florianópolis.
Artesano Pizza Bar – Florianópolis.

O cardápio é bem variado e dá pra transformar todas as pizzas em vegana substituindo os queijos por Mandiokejo. Pedimos uma pizza metade vegetariana e metade alcachofra, deliciosas.

Pizza sabor vegetariana - Artesano Pizza Bar.
Pizza sabor vegetariana – Artesano Pizza Bar.
Pizza sabor alcachofra - Artesano Pizza Bar.
Pizza sabor alcachofra – Artesano Pizza Bar.

4 – Jack & Jacks

No domingo demos com a cara na porta no restaurante que tinha planejado comer e a solução foi procurar algo por alí mesmo. Depois de entrar em alguns lugares, finalmente encontramos umas tortitas veganas de berinjela no café Jack & Jacks, também na Lagoa. As tortitas estavam muito boas, mas infelizmente esta era a única opção vegana do cardápio.

Jack & Jacks - Florianópolis.
Jack & Jacks – Florianópolis.
Tortitas veganas de berinjela - Jack & Jacks.
Tortitas veganas de berinjela – Jack & Jacks.

5 – Kaffa

E para fechar as comilanças do final de semana, no domingo à noite ainda deu tempo de jantar no restaurante árabe Kaffa, no centro. Comida árabe é sempre a carta na manga dos veganos em viagens.

Restaurante Kaffa - Florianópolis.
Restaurante Kaffa – Florianópolis.
Restaurante Kaffa - Florianópolis.
Restaurante Kaffa – Florianópolis.

O restaurante me agradou do início ao fim. Decoração e música temática, atendimento eficiente e comida deliciosa. Pedimos falafel com hommus e tabule, kibe vegetariano e arroz mijadra.

O falafel é maravilhoso e gigante, do tamanho da palma da mão. Daria pra se satisfazer só com eles, mas a gula sempre fala mais alto, impressionante.

Falafel, tabule e hommus - Restaurante Kaffa.
Falafel, tabule e hommus – Restaurante Kaffa.
Kibe vegetariano - Restaurante Kaffa.
Kibe vegetariano – Restaurante Kaffa.
Mijadra - Restaurante Kaffa.
Mijadra – Restaurante Kaffa.

Fiquei surpreso com este meu primeiro turismo vegano por Floripa. Não vejo a hora de voltar para visitar os outros lugares!

Espero conseguir expandir o RotaVeg para outras cidades. (Pessoas de outras capitais que quiserem me ajudar, por favor, entre em contato!) 🙂

Mercado São Jorge, Restaurante Lila, Uma Origem Coffe
Rua Brejauna, 43 – Itacorubi, Florianópolis – SC
(48) 3238-5809
saojorgeorganicos.com.br

Aldeia Índigo
Avenida Pequeno Príncipe, 1202 – Campeche, Florianópolis – SC
(48) 3365-8720
aldeiaindigo.com.br

Artesano Pizza Bar
Serv. das Palmeiras Nativas, 123 – Lagoa da Conceição, Florianópolis – SC
(48) 3236-0000
artesanopizzabar.com.br

Jack & Jacks
Rua Manoel Severino de Oliveira, ~670 – Lagoa da Conceição, Florianópolis – SC
(48) 9113-7604
Página do Facebook

Kaffa Restaurante
Rua Rafael Bandeira, 337 -Centro, Florianópolis – SC
(48) 9113-7604
restaurantekaffa.com.br

Comentários

comentários

Tags:

Um comentário

  1. Não sou de lá, mas agora tem uma pousada vegana na Praia do Rosa, pertinho de Floripa, café da manhã maravilhoso! Pousada Rosa Verde é o nome… e em Garopaba tem o Brotô, restaurante vegano. Em Palhoça tem o Seu Vagem, que é um barzinho, louca pra conhecer os dois. Desses que você foi só conheço o Aldeia Índigo, muito bom!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *