DeliveryLactovegetarianoRestaurantes

Shakti, o novo vegetariano indiano dos Jardins

O Shakti é um restaurante e delivery lactovegetariano que fica na Alameda Jáu, a dois quarteirões da Avenida Paulista. Inaugurado há alguns meses, o lugar serve pratos veganos e vegetarianos orgânicos com um toque indiano e preparados através de um processo inovador.

Conheci o Shakti logo após a sua inauguração, no ano passado. O restaurante é super bem localizado, fica em uma grande casa espaçosa e recém reformada nos Jardins. A primeira vez que fui, só pelo nome já pensei que encontraria um indiano típico todo trabalhado nos pratos lácteos e nas marcantes masalas, mas me enganei.

O restaurante segue sim uma linha oriental indiana com os típicos temperos e toques ayurvédicos, mas de uma maneira bem sutil e dando prioridade aos pratos veganos. Apesar do nome com raízes hindu, o lugar equilibra bem o cardápio e oferece opções que não fazem parte da culinária indiana. Particularmente acho bem interessante essa mistura de comida tradicional com uma pegada de Índia.

Restaurante Shakti - Interna

O esquema lá é a la carte à vontade com entrada, prato principal, sobremesa e suco. Pois é, parece estranho mas eu só fui descobrir isso depois que pedi para repetir um dos pratos. Pra quem curte comer bastante é perfeito pois dá pra se encher mesmo não sendo um self-service e também sem aquela coisa chata de restaurantes que servem um mini-prato e você fica com vergonha de pedir pra repetir pois não sabe se vão cobrar outra vez.

O cardápio é fixo e todo dia da semana é oferecido um prato diferente. Os pratos não possuem indicação quando a vegano ou lacto e o jeito é perguntar para os atendentes que irão te explicar tudo com muita atenção, mas mesmo assim já dei a dica para começarem a incluir a classificação.

Uma outra coisa boa é que além da sugestão do dia, todos os pratos dos outros dias também ficam disponíveis. Ou seja, você pode pedir qualquer item do cardápio em qualquer dia. Também pode trocar os itens e montar um prato personalizado caso quiser. Isso é possível pois o restaurante utiliza um forno tecnológico importado super moderno para preparar os pratos.

SelfCooking Center da Rational é um forno combinado controlado por um computador que permite cozinhar com base nos sistemas Cook & ChillSous Vide. Eu sinceramente não conhecia nenhum dos dois e tive que dar um google pra descobrir. O Cook & Chill, resumidamente, é um processo onde a comida é resfriada ou congelada logo após o preparo para se evitar proliferações de bactérias e afins. O Sous Vide é um método onde o alimento é cozinhado dentro de recipientes selados à vácuo e submetido a um tempo de preparo bem longo (entre 2 a 72 horas). Mantendo sempre uma temperatura estável (40ºC a 70ºC), esse processo consegue conservar mais o sabor e as propriedades originais do alimento. Esse método é muito utilizados em restaurantes que finalizam a comida no prato que será servido. Antes que você pergunte quando for lá, é exatamente por isso que o prato vem muito quente, então cuidado para não se queimar ao tentar movimentá-lo.

Mas chega de papo e vamos as comidas…

De entrada são sempre duas opções, a saladinha ou um caldo. Todos os caldinhos que eu provei estavam ótimos e sinceramente eu considero pedir as duas coisas se você estiver com muita fome, aproveite que lá é tudo liberado.

Restaurante Shakti - Entradas
Alface, rúcula, pepino, tomate cereja, cenoura, rabanete e gergelim preto.
Restaurante Shakti - Entradas
Caldo de inhame com cenoura.

A maioria dos pratos principais são naturalmente veganos e os lácteos possuem a sua versão adaptada. É o caso da deliciosa lasanha de berinjela, que na versão vegana vem com Mandiokejo. Pra mim, essa lasanha é um dos melhores pratos da casa, só de frequentar o restaurante já saquei que ela é um dos mais pedidos.

Restaurante Shakti - Prato Principal
Lasanha de berinjela, legumes ao vapor e arroz integral com castanha do pará.

Outro destaque da casa é o brasileirinho, um prato tradicional sem frescuras. Hambúrguer, purê, legumes e um bom arroz&feijão. Segundo a cozinheira, o hambúrguer é uma mistura de carne de soja, linhaça, farinha de rosca e muito amor.

Brasileirinho ( hambúrguer de soja, purê de batata, legumes refogados, arroz integral e feijão.
Brasileirinho (hambúrguer de soja, purê de batata, legumes refogados, arroz integral, feijão e samosa de legumes).

Esse dia ainda ganhei uma samosa bônus. Deliciosa!

Samosa assada de legumes.
Samosa assada de legumes.

Almocei durante uma semana por lá e consegui experimentar quase todos os pratos. De todos eles, os destaques vão para a moqueca de palmito, a feijoada, a torta de berinjela e os dahls.

Restaurante Shakti - Prato Principal
Strogonoff de carne de soja com berinjela grelhada e arroz integral.
Restaurante Shakti - Prato Principal
Moqueca de palmito e abobrinha grelhada, acompanhados por arroz integral com nozes.
Restaurante Shakti - Prato Principal
Feijoada, arroz integral com castanha de caju, farofa, couve e bolinho de mandioca.
Restaurante Shakti - Prato Principal
Kibe de forno com hommus, tabule, dahl de grão de bico e arroz com castanha de caju.

Essa torta estava tão boa que tive que pedir mais um pedaço.

Restaurante Shakti - Prato Principal
Torta de berinjela, legumes ao vapor e arroz integral com castanha do Pará.

Dessa vez também ganhei uns pastéis para acompanhar, bem crocantes e recheados.

Restaurante Shakti - Prato Principal
Pastéis assados de carne de soja.
Restaurante Shakti - Prato Principal
Dahl de ervilha partida, arroz integral, sabzi de legumes e chapati.
Restaurante Shakti - Prato Principal
Dahl de grão de bico, espeto de proteína de soja e vegetais, arroz integral e samosa de legumes.

As sobremesas variam conforme o dia e essas foram as que eu consegui provar durante a semana que frequentei. Começando pela bolinha haribol, um docinho que parece uma paçoca macia com coco. Apesar de ser bem pequena é uma delícia. É claro que eu pedi mais de uma, rs.

Bolinha haribol (farinha de amendoim, coco e açúcar demerara).
Bolinha haribol (farinha de amendoim, coco e açúcar demerara).

A tortinha de chocolate, pra mim, a melhor sobremesa da casa até agora. Chocolate é chocolate, né gente.

Tortinha de chocolate.
Tortinha de chocolate.

O bolo de coco sem glúten só consegui pedir em um dia, a cobertura é feita com leite condensado de soja.

Bolo de coco sem glúten.
Bolo de coco sem glúten.

E finalmente o quindim. Acho que nunca tinha comido um vegano antes!

Quindim.
Quindim.

A cozinha do Shakti possui uma linha integral e outra sem glúten, em breve também terá uma linha italiana com vários tipos de massas. O proprietário, Odair, também comentou comigo que atualmente o restaurante conta com uma cozinheira indiana ajudando a “tropicalizar” as receitas para ficarem mais amigáveis ao paladar dos paulistas. O Shakti também está sempre incrementando o cardápio com novidades e trocando os pratos de tempos em tempos. Pra quem quiser ficar por dentro é só curtir a página do Facebook.

O atendimento é simpático e bem atencioso. O movimento é tranquilo todos os dias, então pode chegar a qualquer hora que sempre tem mesas disponíveis. Vale lembrar que eles também tem delivery, só ligar ou pedir pelo aplicativo Restaurante Web ou hellofood.

O Shakti é mais um opção pela região da Paulista que agora também faz parte da minha rotaveg. Obrigado Odair pela atenção e também por acreditar nessa ideia maravilhosa.

Aberto: de segunda à sábado.
Horário: das 12:00 as 15:00.
Endereço: Alameda Jáu, 1639  – Jardim Paulista (metrô Consolação) – Mapa aqui.
Serviço: à la carte.
Preço: R$27,00 com tudo incluso.
Telefone: (11) 3063-2902

Mais informações: http://www.shaktiveg.com.br/

Comentários

comentários

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *